Breves
Câmara Municipal atribui nome de José Matias a rua em Fajã: A rua José Matias foi inaugurada no final do dia desta terça-feira, 17, em ambiente de Terrenos em Somadinha à venda a partir de Novembro: Os terrenos na zona de Somadinha, à saída da cidade da Ribeira Brava, vão estar Famílias carenciadas do concelho vão poder melhorar a sua dieta alimentar através do projecto Horta : As famílias carenciadas do município da Ribeira Brava, principalmente aquelas dirigida II Semana Municipal de Educação termina com abertura solene do ano lectivo 2015/16: A II Semana Municipal da Educação terminou na sexta-feira com o acto solene de abert Decorre a II Semana Municipal da Educação no concelho da Ribeira Brava: A II Semana Municipal da Educação está a decorrer no concelho da Ribeira Br Fogo-de-artifício e muitos aplausos recebem energia 24h em Juncalinho: A ligação de energia 24h em Juncalinho foi recebida, este sábado 19, com fogo Água a domicílio em Cachaço de cima já é uma realidade: Os moradores da zona de cachaço de cima já têm água em suas casas inves Autarquia avalia estragos deixados pelo Fred e começa a acudir os mais necessitados: Depois da passagem do furacão Fred no nosso arquipélago a equipa da Câmara Mun Zona de Terra Quebrada já tem água a domicílio: A Câmara Municipal da Ribeira Brava inaugurou, na terça-feira, 25, a aduç&atil Lançada a 1ª pedra do projecto de requalificação do jardim infantil Daniel Monteiro : A Câmara Municipal da Ribeira Brava lançou esta terça-feira, dia 11, a primeir

Munícipes da zona de Campinho Norte já têm água a Domicílio

Os moradores da zona de Campinho Norte já têm água canalizada em suas casas desde quarta-feira, depois de um esforço conjunto entre a edilidade e esses munícipes que deram o seu contributo para que a água a domicílio fosse uma realidade.


Contam-se pelos dedos das mãos as pessoas que vivem nesse cantinho do município mas é incomensurável a sua alegria aquando da inauguração. Exemplo disso é a dona Rosita, ou tia Djita como é carinhosamente chamada, que disse ser uma felicidade, aos 80 anos estar a abrir a torneira da sua casa e ter água.
“A idade já não permite ir buscar água nem as curtas, muito menos a longas distâncias. E ter esse bem precioso na rede significa muito para mim”, disse a senhora cujas palavras foram aplaudidas por outros moradores, quer da mesma idade, quer mais jovens.
Por seu turno, o presidente da Câmara, Américo Nascimento parabenizou os moradores pelo seu envolvimento no processo, pois tendo consciência que o desenvolvimento depende de todos, deram o seu contributo e hoje a água em suas casas é uma realidade.
A adução de água à zona de Campinho Norte enquadra-se no programa da edilidade para levar água a domicílio a todas as zonas do concelho estando já esta cifra acima dos 85 por cento.
O objectivo é ter os 100 por cento até o final do mandato, em 2016.