Breves
Câmara Municipal atribui nome de José Matias a rua em Fajã: A rua José Matias foi inaugurada no final do dia desta terça-feira, 17, em ambiente de Terrenos em Somadinha à venda a partir de Novembro: Os terrenos na zona de Somadinha, à saída da cidade da Ribeira Brava, vão estar Famílias carenciadas do concelho vão poder melhorar a sua dieta alimentar através do projecto Horta : As famílias carenciadas do município da Ribeira Brava, principalmente aquelas dirigida II Semana Municipal de Educação termina com abertura solene do ano lectivo 2015/16: A II Semana Municipal da Educação terminou na sexta-feira com o acto solene de abert Decorre a II Semana Municipal da Educação no concelho da Ribeira Brava: A II Semana Municipal da Educação está a decorrer no concelho da Ribeira Br Fogo-de-artifício e muitos aplausos recebem energia 24h em Juncalinho: A ligação de energia 24h em Juncalinho foi recebida, este sábado 19, com fogo Água a domicílio em Cachaço de cima já é uma realidade: Os moradores da zona de cachaço de cima já têm água em suas casas inves Autarquia avalia estragos deixados pelo Fred e começa a acudir os mais necessitados: Depois da passagem do furacão Fred no nosso arquipélago a equipa da Câmara Mun Zona de Terra Quebrada já tem água a domicílio: A Câmara Municipal da Ribeira Brava inaugurou, na terça-feira, 25, a aduç&atil Lançada a 1ª pedra do projecto de requalificação do jardim infantil Daniel Monteiro : A Câmara Municipal da Ribeira Brava lançou esta terça-feira, dia 11, a primeir

SAA e população discutem a nova tarifa de água no Município

A discussão da nova tarifa de água foi mote para um encontro com a população promovida pelo Serviço Autónomo de Água, esta terça-feira, na biblioteca municipal da Ribeira Brava.


O objectivo é, segundo os responsáveis é garantir a sustentabilidade do serviço que tem em vigor a mesma tarifa desde 2009.
“O director do SAA, José Pedro Luciano assegura que este é um preço que está abaixo do custo real e é preciso pensar a sustentabilidade do serviço no seu todo, daí a necessidade de actualizar a tarifa e assim garantir melhor serviço, justificando por isso, o encontro com a população para discussão da nova tarifa”.
É que se por um lado, aumentou a disponibilidade de água no concelho, quer para rega quer para o consumo domestico com investimento no sector da água que rondam os 250 mil contos, desde o ano de 2008, devido à escassez de chuva dos últimos anos, o caudal de água diminuiu.
“Mas graças à entrada em funcionamento da dessalinizadora, esta situação foi colmatada e até agora a população não enfrentou penúria de água”, garantiu o vereador do pelouro da água, Adilson Melício.
Mas, continuou dizendo o vereador, é preciso ter em conta o custo de produção de água dessalinizada e a manutenção dessa infra-estrutura bem como do Serviço Autónomo de Água mas também de outras estruturas como a Galeria de Fajã que carece de uma “intervenção urgente”.
Os munícipes que se fizeram presente no encontro reconhecem que apesar da falta de chuva não houve necessidade de se percorrer grandes distâncias nem de enfrentar longas filas para ter acesso à água, graças à produção de água dessalinizada.
Por isso, asseguram, é natural a necessidade do aumento da tarifa, mas pedem para que seja feito tendo em conta o orçamento das famílias que já vem enfrentando sucessivos aumentos de taxas para pagar.
Os responsáveis pelo SAA garantem que o intento é afinar pelo mesmo diapasão por isso querem ouvir a população para que se possa encontrar um equilíbrio entre a sustentabilidade do serviço e o impacto social que o aumento da tarifa poderá ter.
De referir que a tarifa actual está dividida em três escalões sendo o primeiro escalão de 110$00 (1 a 5 toneladas), o 2º escalão de 160$00 (6 a 10 toneladas) e o 3º escalão de 260$00 (acima de 10 toneladas).
No final do encontro propôs-se aumentar o primeiro escalão de 110 para 150$00 e o 2ºescalão de 160 para 180$00.
A proposta será agora levada para discussão nas instâncias superiores.
O SAA é um serviço com personalidade jurídica própria e com autonomia administrativa e jurídica cujo objectivo é o fornecimento de água ao município da Ribeira Brava.